[17.08.2017] Balanço de atividades e novas estratégias

A partir do encontro na Eliana Silva, foi feito um balanço das discussões e do processo a fim de refletir sobre a conversa e reavaliar, principalmente, os dispositivos de diálogos produzidos pelos grupos, para preparar as atividades da outra dinâmica a ser realizada na ocupação Paulo Freire. Para isso, foram organizadas três novas frentes, com a finalidade de intensificar a articulação entre os grupos:

(Frente 1) Organização da dinâmica Paulo Freire: responsável por potencializar os instrumentos de diálogos produzidos, a fim de re-adaptá-los às novas discussões, levando em conta as considerações feitas no balanço dos alunos.

(Frete 2) Perguntas Disparadoras: responsável por testar a hipótese de propor uma conversa baseada em “perguntas disparadoras”, claras e mais objetivas, que englobam as fragilidades e potencialidades do território.
   

(Frente 3) Reconhecimento das parcerias : responsável por mapear diretamente no território as habilidades e atividades existentes a fim de propor parcerias e trocas de saberes e materiais dentro das ocupações; além das possíveis parcerias com as empresas, instituições e equipamentos presentes no entorno imediato.

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *